Blog

Pesquisa:

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin
COMPARTILHE:
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp

A bronquiectasia é uma patologia pouco comum, mas extremamente preocupante. Ela é uma doença pulmonar de longo prazo que ocorre quando existe a destruição dos componentes elástico e muscular das paredes dos brônquios, levando a dilatação permanente do órgão. É muito comum associá-la a inflamações nas vias aéreas.

Por estes motivos, hoje nós separamos algumas informações que você precisa saber sobre a Bronquiectasia. Confira:

Números por trás da Bronquiectasia

As principais causas para o seu aparecimento são fibrose cística, defeitos imunes e infecções recorrentes. De acordo com o Ministério da Saúde, entre 2003 e 2013, menos de 0,5% de todas as internações causadas por doenças respiratórias crônicas estavam relacionadas especificamente à bronquiectasia. No entanto, a doença apresenta uma causa comum de morbidade e mortalidade pelo alto grau de complexidade.

Isso é ampliado quando o paciente possui outra doença hereditária, como é o caso da fibrose cística.

De onde vem a Bronquiectasia

Grande parte das vezes a Bronquiectasia é uma sequela direta de alguma infecção pulmonar. Em casos de pneumonia, por exemplo, é comum desdobramentos como esse e por isso um tratamento próximo e bem acompanhado precisa ser exercido para evitar a patologia.

Outras causas como a asma aguda e Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica (DPOC) também costumam estar associadas à ocorrência da bronquiectasia.

Os sinais da Bronquiectasia

Como as vias respiratórias de quem sofre da doença são mais largas que o normal, os riscos de contrair infecções pulmonares e de ocorrer inflamação do pulmão são maiores. Isso faz com que o paciente possa apresentar sintomas característicos como: tosse com secreção; falta de ar constante; fadiga; desconfortos na região do peito; entre outros.

Os sinais da doença variam de acordo com o paciente, já que cada organismo reage de uma forma diferente.

Alertas para suas consequências

O resultado direto da doença está relacionado com infecções repetitivas. Além de causar diversos incômodos no paciente afetado como já mencionamos acima, em casos mais graves, ela pode levar à óbito devido à repetição dessas infecções. Por isso, é essencial procurar ajuda médica aos primeiros indícios de que há algo errado.

Tratamento e pesquisa clínica

Atualmente, ainda não existem medicamentos com efeitos efetivos sob a bronquiectasia. Terapias aplicadas para a bronquiectasia têm como objetivo evitar ou limitar a ocorrência de novos danos, bem como reduzir a frequência dos problemas. É por isso que na pesquisa clínica procuramos novos tratamentos que visam melhorar a qualidade de vida do paciente.

O CEMEC está conduzindo uma pesquisa clínica para auxiliar no tratamento da doença e na melhora da qualidade de vida das pessoas acometidas pela Bronquiectasia. Quer saber mais e participar? É só clicar aqui e preencher o formulário!

Aproveite para acompanhar nossas redes sociais e não perder nenhuma novidade!

Cadastre-se e receba notícias do CEMEC

Unidade São Bernardo do Campo

Rua Silva Jardim, nº 187 • Salas 63 e 64 • Santa Tereza
CEP: 09715-090 • São Bernardo do Campo • SP

Fax: +55 (11) 4930.4342
Tel: +55 (11) 4930.4243
E-mail: coordenacao.sbc@cemecpesquisaclinica.com
E-mail: gerencia@cemecpesquisaclinica.com

Copyright © 2019 CEMEC Pesquisa Clínica. Todos os direitos reservados.

Website desenvolvido por Emcomjunto
WhatsApp chat