Blog

Pesquisa:

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin
COMPARTILHE:
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp

1. Sobre a fibrose pulmonar

A fibrose pulmonar consiste no impedimento de passagem normal de oxigênio para a corrente sanguínea em decorrência da substituição do tecido pulmonar normal por um tecido cicatricial, que pode ter a sua origem relacionada a uma série de fatores distintos.

2. Principais fatores de risco

Fatores ocupacionais e ambientais como, por exemplo, poeira de sílica, fibras de amianto, pós de metais duros, de grãos e de carvão e excrementos de animais e pássaros;

A radioterapia, que pode gerar lesão pulmonar após meses ou anos do tratamento oncológico a depender da quantidade de exposição à radiação do pulmão ou a quantidade de radiação administrada, assim como a presença de uma doença pulmonar subjacente.

Os fármacos que podem gerar algum dano ao pulmão, com ênfase nos medicamentos quimioterápicos, cardiovasculares, alguns antibióticos e anti-inflamatórios.

E demais patologias que podem desencadear este quatro, sendo as principais delas: artrite reumatóide, dermatomiosite, lúpus eritematoso sistêmico, polimiosite, pneumonia, sarcoidose, entre outras.

3. Sintomas, diagnóstico e tratamento

Os sintomas mais comuns da enfermidade estão relacionados à falta de ar, tosse seca, cansaço físico, perda de peso inexplicável, dores musculares e articulares e alargamento e/ou baqueteamento digital, quando ocorre o alargamento e arredondamento das pontas dos dedos das mãos ou dos pés.

O diagnóstico é realizado através da história clínica do paciente e, em seguida, por meio de dados obtidos por diferentes exames como, por exemplo, tomografia e estudos de células por meio da biópsia pulmonar,

Já em relação ao tratamento, o mesmo  pode variar a depender de cada caso, contudo entende-se que em pacientes com grau avançado é improvável que se reverta o quadro, apesar de haver fatores de proteção que podem gerar uma melhor qualidade de vida, tais como: não fumar, realizar exercícios físicos com o aval da equipe médica e um acompanhamento com nutricionista, tendo em vista a tendência dos pacientes perderem peso.

4. Uma grande oportunidade para melhorar a qualidade de vida dos pacientes

Em breve, estaremos com um estudo aberto sobre fibrose pulmonar que poderá contribuir para o desenvolvimento de tratamentos inovadores que contribuirão para a qualidade de vida dos pacientes acometidos por essa doença.

Essa será a oportunidade ideal para que as pessoas recebam um tratamento que pode revolucionar a maneira com a qual a fibrose pulmonar é tratada atualmente e, desta forma, contribuir para a saúde própria e de milhares de outras pessoas que possuem a doença.

Fique atento(a) às nossas redes sociais para obter mais informações:

Facebook | Instagram | LinkedIn

Cadastre-se e receba notícias do CEMEC

Unidade São Bernardo do Campo

Rua Silva Jardim, nº 187 • Salas 63 e 64 • Santa Tereza
CEP: 09715-090 • São Bernardo do Campo • SP

Fax: +55 (11) 4930.4342
Tel: +55 (11) 4930.4243
E-mail: coordenacao.sbc@cemecpesquisaclinica.com
E-mail: gerencia@cemecpesquisaclinica.com

Copyright © 2019 CEMEC Pesquisa Clínica. Todos os direitos reservados.

Website desenvolvido por Emcomjunto
WhatsApp chat